Siga o IBAP nas redes sociais

Fale com o IBAP. Envie um e-mail para: atendimento@ibap.org.br

© 2015 por IBAP. Criado por Calvin Comunicação

Dia Mundial da Saúde Ocular alerta para a prevenção e diagnóstico das doenças que atingem a visão

Nesta quarta (10) é comemorado o Dia Mundial da Saúde Ocular, que tem a intenção de alertar para a importância da prevenção e diagnóstico de doenças oculares que, se não tratadas, podem levar à perda da visão. As principais causas de cegueira em adultos são a catarata, o glaucoma, a degeneração macular relacionada à idade e a retinopatia diabética. Já entre as crianças, os maiores causadores da perda de visão são: infecções congênitas, catarata congênita, retinopatia da prematuridade e glaucoma congênito.

De acordo com a Dra. Fábia Helena Crespo, diretora médica e responsável pelo setor de glaucoma do Centro da Saúde Ocular Kátia Mello, as consultas de rotina com o oftalmologista são imprescindíveis para o diagnóstico e tratamento dessas e outras doenças, que muitas vezes podem ser assintomáticas no inicio. “Em palestras, costumo perguntar sobre quem já foi ao cardiologista ou clinico geral para fazer um ‘checkup’, e depois quem já foi ao oftalmologista para fazer um ‘checkup’. A ideia é conscientizar a população, já que segundo os dados, cerca de 75% desses casos de cegueira são evitáveis ou curáveis, ou seja, a cada quatro cegos, três poderiam não estar nessa situação”, explica a médica.

 

Estima-se que apenas o glaucoma atinja cerca de um milhão de pessoas no País. Quando não tratado e diagnosticado a tempo, leva à cegueira irreversível. Para as pessoas que possuem histórico de glaucoma na família, o exame preventivo é imprescindível, já que apresentam mais chances de desenvolver a doença. Também fazem parte do grupo de risco os portadores de diabetes; os míopes e hipermétropes; os maiores de 60 anos; e negros, principalmente com mais de 40 anos de idade.

Já a catarata é responsável por 51% dos casos de cegueira no mundo, o que representa 20 milhões de pessoas, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). Segundo a Sociedade Brasileira de Oftalmologia (SBO), surgem cerca de 550 mil novos casos no Brasil por ano. “Os portadores da doença não devem temer a cirurgia, pois o procedimento é simples e a recuperação costuma ser muito rápida”, destaca a médica.

 

A catarata é uma lesão ocular que atinge e torna opaco o cristalino. Entre os sintomas estão: sensação de visão embaçada ou com névoa, sensibilidade à luz e alteração da visão de cores. Com a progressão da doença, as pessoas poderão enxergar apenas vultos. Ficar longas horas exposto ao sol pode possibilitar a progressão da catarata, além de outros problemas oculares. Por isso, o uso de óculos com proteção solar ultravioleta A e B, mesmo por crianças é fundamental

É importante também chamar a atenção para a prevenção da cegueira na infância. O glaucoma congênito e a catarata congênita são as principais causas da perda de visão em crianças. Um pré-natal adequado e o teste do olhinho são imprescindíveis. “Esperamos que o Dia Mundial da Saúde Ocular ajude as pessoas a refletirem sobre a importância de cuidar dos olhos com carinho e atenção, realizando consultas periódicas com o oftalmologista”, finaliza a Dra. Kátia.

Matéria Original: Jornal do Brasil